terça-feira, 6 de abril de 2010

Terras indígenas: vernissage e exposição coletiva

7 comentários:

Jairo Cerqueira disse...

Passando pra te desejar sucesso. Como sempre, vc na busca da reedificação do que tentaram destruir.
Muita paz, Grauninha.
Bjs

GRAÇA GRAÚNA disse...

Jairo, meu querido:ppde crer. Suas palavras trazem uma tremenda energia positiva. Adoro você.

Juscelino V. Mendes disse...

A Graça Grauna, sempre una
em seus proósitos! Graça!
Beijos.

GRAÇA GRAÚNA disse...

Meu querido Juscelino: um dos meus objetivos é nunca perder o caminho em torno da nossa causa indígena. Grata por seu carinho e sua atenção. Bjos.

IVANCEZAR disse...

Grauninha:
Lamentavelmente vivo longe das regiões de maior influência e pouco posso participar desses eventos culturais ... ( minha região é considerada hoje uma das mais degradadas do sul, chamada "metade sul",que no passado foi próspera mas que, sobretudo depois do advento do mercosul mergulhou numa crise sem precedentes ) - A propósito ( só por curiosidade ) sabe que algumas cidades de minha região já apresentam IDH e PIB inferior a muitas cidades do nordeste ?? - Mas asseguro que , de longe , envio todo meu apoio e desejo de sucesso !!

Zélia Guardiano disse...

Olá, Graça!
Adorei seu blog! Proposta muito interessante!
Parabéns!
Um abraço

GRAÇA GRAÚNA disse...

Estimada Zelia: adorei seu blog, sua poesia irreverente, seu gosto pela vida. Grata por visitar meu humilde blog; Paz em Ñanderu, Graça Graúna