terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Quase um alento


Sonho, acordo e enloucresço.
Penso: a vida seria desolada
se não houvesse canções de amor.

Não digo, só penso:
você é quase o meu alento
ou quase tudo que eu quero.
Vamos deixar o nosso nome na porta
viver o momento
e seguir a canção.

***

Graça Graúna
Nordeste do Brasil, 21.jan.2010

***
Nota: ler ao som de "Mora na filosofia", música interpretada por Caetano.

14 comentários:

Sônia Brandão disse...

Quando seguimos a canção nos esquecemos da dor.

bjs

GRAÇA GRAÚNA disse...

Sonia Brandão, poeta querida: você é também uma grande xamã. Muito grata por sua leitura. Paz e bem, Grauninha

agnes pires disse...

Gostei do poema. Sempre achei legal essa música do Caetano, mas acho que o amor anestesia, quem faz doer é mesmo a paixão.

André Weber Scarano disse...

Olá Graça, como vai?

Realmente um belissímo poema. Meus humildes parábens!

Criei recentemente um blog de poesias, e gostaria muito de opiniões de pessoas do seu cabedal de profissionalismo.
Eu ficaria eternamente grato.

www.weberandre.blogspot.com

um abraço!

GRAÇA GRAÚNA disse...

Agnes, sou uma pessoa privilegiada porque tenho você sempre por perto. Grata pela leitura sensível. tenho muito a aprender com você. Bjos, Mainha

Negro Sangue disse...

É da dor, das adversidades que tiramos forças para mudarmos a realidade!

Cheiro, um monte!

Visite meu romance, gostaria de sua opinião:
http://www.blogger.com/

Mais cheiro!

Erick Camilo

GRAÇA GRAÚNA disse...

Meu querido Erick, saudades muitas de todos. Grata pela visita ao meu blog. Sucessos na escrita romanesca. Bjos.

Jairo Cerqueira disse...

Toda vez que olho, ou lembro do livro O elogio da loucura, vejo que não existe uma palavra mais providencial, para essa turbulência capitalista, que: Enloucresço.
"Inteligente é aquele que acerta o alvo; genio, é aquele que enxerga alvo onde ninguém idealiza que exista". (Schopenhauer)
Vc é show de bola, Grauninha.
Bjs

GRAÇA GRAÚNA disse...

Jairo, meu amigo muito querido: fico muito feliz com a sua presença. Pessoas assim iguais a você faz a gente acreditar mais na vida; tocar o barco; escreviver, porque ñanderu nos quer alegres e corajosos. E só seremos alegres e corajosos quando temos alma boa por perto. Gratíssima pelo carinho. Como voc~e por perto enloucresço.....rs....rs....rs.....brincadeirinha, bjos, Grauninha

filosofenix disse...

Parir poemas das entranhas onde o amor introduziu seus humores é a condição humana mais sublime!
Parabéns, Graça!

GRAÇA GRAÚNA disse...

Ivanmaia - poetamigo: filosofenix - uma expressão tão poética assim só poderia vir de você. Saudades muitas, meu amigo e alegria de tocar a manhã de terça feira com a beleza que vem do seu carinho. Grata pela leitura de Quase um alento. Bjos de luz, Grauninha

GRAÇA GRAÚNA disse...

Em 2 de março de 2010, o poetamigo Pedro Du Bois disse:

"Sonho, acordo e enloucresço.
Penso: a vida seria desolada
se não houvesse canções de amor."

Cara Graça,
grato pela sua visita ao blog.
pus-me a seguir o seu, de quem gostei muito.
seus versos acima são de totalmente sensibilidade.
abraços,
Pedro

(Carla) disse...

Lindo poema,
eco de momentos,
emoções que escreves em nós...
Que coisa boa.

GRAÇA GRAÚNA disse...

Estimada Carla: muito grata pelo carinho e pela leitura sensível em torno dos meus poemas. Bjos.