segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Alquimia




O beijo, de Rodin


As primeiras impressões nuas aquecem
a roupa do teu corpo
em minha pele

no campo da esperança
o vento sopra
negros mantras de amor

dentro de mim um rio em transe
na tessitura dos sonhos
(só alquimia) meu gozo é teu

Graça Grauna, Nordeste do Brasil, 13.dez.2008
Nota: no site Overmundo, este poema recebeu 253 votos

Um comentário:

Claudia Almeida disse...

no campo da esperança
o vento sopra

O poema é lindo, envolvente e de uma competência...
Relendo mais uma vez.

bjs Claudinha